Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O Que é Nacional é Bom

por O Idiota, em 23.01.14

   O que é nacional é bom, mas não é o melhor, não é o melhor no mundo, nem é o melhor que pode ser.

   Não me custa nada (por enquanto, que com esta crise, daqui a nada pagamos até para falar) dizer que o que é nacional não é o melhor, sendo que isso muito se deve ao país que temos, porque não se aproveitam muitas das coisas que Portugal tem, só se quer é fazer dinheiro e programas tristes para a nossa nação. Por exemplo, sabiam que Portugal é um dos maiores países do mundo? Sim, juntando ao nosso país o território marítimo que lhe pertence ficamos com uma área de quase 4 milhões (4.000.000) km2, agora imaginem se fizéssemos um investimento para começarmos a viver à custa da água, visto que se pode obter energia através desta, porque não?! Era da maneira que nos tornaríamos autossustentáveis e se pegasse moda, ficávamos ricos de um dia para o outro.

 

Território Português

 

   Mas regressando ao problema inicial e hoje com pouca comédia, Portugal está muito mal representado, os putos só querem ser como o Cristiano Ronaldo e se não conseguirem tornar-se bons jogadores? Vão ficar desiludidos e sem outras hipóteses porque não lhes explicam os riscos e as outras oportunidades que podem ter. Nos programas televisivos, uns só mostram sexo, porrada e confusão, outros mostram como a vida é perfeita, o que não é e depois admiram-se que os adolescentes andem aí todos deprimidos, sempre tiveram a ideia de haver sempre um final feliz e começam a ter um cheirinho do que a vida real é, se lhes fosse mostrada a realidade não haveriam tantas tretas sobre isso. Nos programas de música só incentivam música pop, pimba e em português. Não é que seja mau, mas há um mundo musical gigante por aí fora, não deveriam restringir as pessoas a certos estilos (por exemplo nos Ídolos, era “obrigatório” cantar-se músicas pop, se fossem lá cantar rock não passavam) e todos esses fatores contribuem para que Portugal, ao contrário de antigamente, não procure novos horizontes e muitas vezes, o que é realmente bom, não tem oportunidade de se sobressair e aquilo que poderia ser o melhor do mundo fica restrito ao quarto de um português. As pessoas que vemos todos os dias na televisão deveriam ser as primeiras a dar o exemplo do que Portugal pode ser, em vez de ficarem a ler os roteiros que lhes são escritos, porque ser pago para ler, qualquer um consegue.

   Muitos falam e tal, mas ninguém faz nada quanto ao país que temos, por isso espero seriamente que alguém o faça, já eu sou português, por isso vou é ver a Fátima Lopes deitadinho no sofá à espera do jantar, mas antes deixo-vos aqui uma cover de uma portuguesa, que ainda mantém o seu talento dentro do seu quarto.

 

 

O Idiota

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:33

Mensagens



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo


Posts mais comentados